5 Hábitos saudáveis para evitar a constipação

A constipação crônica é um problema que afeta até 30,7% da população mundial. Com o processo de desenvolvimento do Brasil esse número também vem aumentando em nosso país. A constipação pode ter diversas causas orgânicas, porém a maioria dos casos tem íntima relação com os nossos hábitos diários. Dessa forma com mudanças simples na rotina é possível evitar ou minimizar esse transtorno. Já se sabe que além do desconforto abdominal e de todo o contexto de prejuízo psicossocial que a constipação gera, ela também está associada a doenças mais sérias como tumores de intestino grosso (câncer colorretal) e distúrbios anorretais como fissuras e hemorróidas. 

Então o que podemos fazer para não sofrer com esse problema?

1- Alimentação balanceada e rica em fibras: esse é o pilar na prevenção e tratamento da constipação crônica. As fibras alimentares são substâncias insolúveis que absorvem água no interior do intestino, auxiliando a formação e manutenção da consistência ideal do bolo fecal. 

2- Aumentar a ingestão de água e líquidos: como explicado, a base do funcionamento das fibras é sua capacidade de absorção de água. Portanto devemos ingerir cerca de 2 litros de líquidos diariamente para manter o organismo hidratado e auxiliar o bom funcionamento intestinal. 

3 – Praticar atividade física: o sedentarismo prejudica nosso corpo como um todo e o aparelho digestivo não fica de fora. A prática de atividade física regular, pelo menos 30 minutos diariamente, auxilia a boa motilidade intestinal, combate a obesidade e previne doenças cardiovasculares. Então se mexer é preciso!

4- Evitar alimentos processados/industrializados: a maioria dos alimentos processados são pobres em fibras. A farinha de trigo branca passa por um processo de refinamento que elimina a maior parte das fibras naturais. Todos os alimentos derivados da farinha de trigo refinada portanto sofre do mesmo problema: biscoitos, pães, massas, bolos, bolachas, etc. O arroz branco passa por processo similar. Dessa forma é importante evitar esses alimentos ou substitui-los pela versão integral. Os alimentos integrais são menos processados portanto mantendo as fibras e suas propriedades naturais. 

5- Aprender a obedecer seu intestino: nosso intestino tem uma rica rede nervosa que é conectada ao cérebro e o sistema nervoso central. Além disso tem uma série de reflexos que nos avisa quando é hora de ir ao banheiro. Quando o intestino está funcionando bem conseguimos manter um ciclo circadiano, ou seja, respeitando o ciclo dia/noite. Quando por algum motivo reprimimos a vontade de evacuar, o organismo “interpreta” esse bloqueio e o próximo reflexo vem cada vez mais retardado. Isso gera um ciclo vicioso que pode perpetuar a constipação. Assim o ideal é prestar atenção aos sinais do organismo e respeitá-los. 

Seguindo esses 5 hábitos diariamente conseguimos evitar a maioria das causas de prisão de ventre. No entanto, devemos lembrar que existem causas orgânicas que podem levar a constipação.  Por isso em caso de dúvidas ou persistência dos sintomas sempre procure seu médico especialista.  


Compartilhe


Deixe seu comentário